Cancioneiro Dito "dos Antíguos"

Núcleo de Abraveses

O Cancioneiro dito “dos Antíguos” é um projeto de cocriação desenvolvido em 2022 e 2023, realizado diretamente com os “Antigos Pauliteiritos de Abraveses” e a partir das suas partilhas quanto a alguns dos aspetos da história local e evolução da Vila, desde meados do século XX.
O Cancioneiro, com narrativa escrita e um conjunto de criações originais/adaptações musicais, no seu formato final, trata de enquadrar parte da vivência e sentir de quem nele participou. Os lugares nada são, sem as suas “gentes”.
Com o desenvolver do Cancioneiro, os contributos foram-se somando e configurando este resultado final. Seria impensável, ao início, conceber tantos e tão diversos intervenientes. Tantos e tão distintos saberes.

A todos, o nosso agradecimento.

Publicação

Nesta publicação reúnem-se os textos finais criados a partir das histórias recolhidas com a comunidade de Abraveses. A eles juntam-se as partituras das músicas criadas, bem como as respetivas letras. Todos os conteúdos são acompanhados de ilustrações de L Filipe dos Santos.

Edição: Projecto Património / Memória Comum — Associação

ISBN: 978-989-99237-3-7
Depósito Legal: 522659/23

1.ª edição. 100 exemplares
Viseu/Abraveses, 2023

Apresentação das músicas

Junho, 2023

Com a ameaça de chuva lá fora, o Carmo’81 alargou as suas costuras para encaixar os quase 50 interpretes e outros muitos espectadores. A apresentação do Cancioneiro dito “dos Antíguos” encantou o público presente e terminou em grande festa cantando em uníssono um dos nossos novos temas. A folha de sala, com a letra, ajudou.

Apresentação do livro

Outubro, 2023

As histórias recolhidas e as criações gráficas produzidas reuniram-se numa publicação que foi apresentada na Casa da Ribeira, em Viseu. Um encontro acolhedor repleto de histórias que complementaram as já escritas.

Primeiro grande encontro

Abril, 2023

Depois de meses em salas separadas, espalhadas pela geografia de Viseu, reuniram-se por fim para o primeiro ensaio conjunto o grupo de bombos Os Braveses, os Antigos Pauliteiros, @s Pauliteirit@s Viseu Norte e outros músicos. Neste encontro tornou-se evidente a força da música a sua capacidade de mobilizar e encantar.

Ensaio, acorde, afino

Entre março e junho, 2023

Com as histórias definidas, a música ganhou protagonismo. Na sede da Gira Sol Azul; numa escola ou na rua, tudo era lugar para afinar e ensaiar. As histórias que nasceram apenas de alguns, começaram a ser interpretadas por dezenas de pessoas e, a cada ensaio, aumentava o grupo que as interpretava.

Escuta e recolha de histórias

Entre janeiro e março, 2023

A pequena sede da Associação de Abraveses foi uma espécie de quartel para o trabalho desenvolvido com esta comunidade. As primeiras sessões aconteceram apenas com cinco pessoas: os antigos pauliteiros, mas as histórias que contavam eram ricas e pormenorizadas. Com o tempo, as histórias cresceram para lendas e o novo cancioneiro foi ganhando forma.

Ficha Artística

OS BRAVESES
Ana Borges
António Magalhães
Armando Adães
Cristina Ferreira
Daniel Borges
Diogo Cardoso
Nando Mendes
Fernando Soares
Chico Borges
Francisco Ferreira
Inês Marques
Íris Coelho
Leandro Coelho
Leo Soares
Joana Matos
Joana Dias
Quim Dias
Pecko
Sconigth
Tiago Rodrigues

ANTIGOS PAULITEIRITOS
Adelino Mendes
Hugo Correia
Marco Ferreira
António Santos
Álvaro Santos
António Magalhães
Daniel Pereira
Tiago Rodrigues
Pedro Pecko

@S PAULITEIRIT@S VISEU NORTE
Maria João
Diogo Zhou
Salvador Correia
Salém Miguel
Ângela Dinamene
Simão Almeida
Diego Jesus
Maria Lourenço
Lara Paulo
Leonor Barbosa
Madalena Pacheco
Beatriz Santos

ORQUESTRA
Leonor Gomes (guitarra)
André Santos (bandolim)
Dinis Sousa (cavaquinho)
Júlio Oliveira (acordeão)

CANTORAS
Bianca Sarilho
Laura Ferreira
Yara Sá

CONVIDADOS ESPECIAIS
Manuel Fonseca (A Voz do Rock)
Miguel Caetano (Pauliteiritos de Abraveses e A Voz do Rock)
Manuel Sousa (Pauliteiritos
de Abraveses e A Voz do Rock)

PROJECTO

Coordenação e Edição/Textos Finais
Rui Macário Ribeiro

Direção Musical e Artística
Ana Bento

Design e Registo
Luís Belo | Miolo e Meio, Lda.

Ilustração
L Filipe dos Santos

O Cancioneiro foi financiado ao abrigo do Programa Municipal de Apoios Eixo Cultura Viseu 2022/2025, da Câmara Municipal de Viseu.

© 2024 · Projecto Património / Memória Comum – Associação